Um avião da Força Aérea Brasileira deve chegar nesta madrugada no Aeroporto de Dourados trazendo uma equipe de médicos de Goiânia que fará a captação de órgãos do Guarda Municipal Roberto Ramos de 52 anos que teve morte cerebral confirmada hoje no Hospital da Vida onde estava internado havia vários dias.

O local de referencia para a captação de órgãos no município e o Hospital Universitário, mas os médicos avaliaram que o HV tem todas as condições para o procedimento e que isso evitaria um translado e afastaria o perigo de que algum órgão fosse perdido.

Os três médicos goianos devem recolher para transplante o pâncreas, o fígado os rins e se possível os pulmões do Guarda Municipal que estava na corporação havia 15 anos.