Partes de corpo que foram retirados de tumulo na cidade paraguaia de Pedro Juan Caballero e encontrados em estado de decomposição.(Foto:Porã News)

Moradores do bairro São Geraldo em Pedro Juan Caballero acionaram a Polícia Nacional do Paraguai na tarde de ontem para denunciar que partes de um corpo em decomposição tinham sido encontradas em um terreno baldio da região.

No local os policiais acharam uma cabeça e um braço em avançado estado de decomposição. A suspeita é que os membros sejam do brasileiro Júlio Cardoso de 72 anos, que teve o túmulo violado no dia 18 do mês passado.

Júlio morreu de insuficiência renal aguda e foi sepultado no dia 17 de maio no cemitério municipal de Pedro Juan Caballero e o tumulo dele foi violado no dia seguinte e a cabeça e um dos braços foram levados.

Agora a polícia vai continuar a investigação para tentar localizar os responsáveis pela violação.