Vereadora Daniela Hall vai coletar reclamações sobre internet e telefonia em Dourados. (Foto: Divulgação) Divulgação

A vereadora Daniela Hall (PSD) foi eleita membro do Conselho de Usuários de Telefonia e internet, espaço de participação voluntária, regulamentado pela Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações).

A parlamentar foi a mais votada de Mato Grosso do Sul e vice-líder no Centro-Oeste.A eleição ocorreu exclusivamente pela internet entre os dias 11 e 19 de setembro. “Foi uma disputa acirrada com os outros Estados, mas conseguimos, pela primeira vez, ter um representante de Dourados no Conselho. Agradeço a Deus e aos amigos de Dourados que se uniram e votaram, mesmo com tantas dificuldades de acesso a internet. É hora de lutar para que nossos direitos sejam respeitados. Afinal, não é justo pagar por um serviço que não é disponibilizado”, destaca.A vereadora diz que estuda realizar uma audiência pública na Câmara para ouvir a população, bem como levar para o Conselho, todas as reivindicações de Dourados e região.

O objetivo da parlamentar é fiscalizar os serviços de telefonia e internet oferecidos em Dourados e atuar em defesa dos consumidores.Advogada por profissão, Daniela Hall diz que é um desrespeito a forma como vem sendo tratados os consumidores.

Segundo ela, só no Procon de Dourados, existem mais de 2.250 reclamações sobre a qualidade dos serviços como a velocidade lenta, morosidade no atendimento e cobranças indevidas.“Isso significa que os consumidores estão sofrendo e pagando por um serviço de péssima qualidade e apesar dessa imagem negativa pouco tem sido feito para melhorar a internet oferecida para a população. Foi por causa disso que coloquei meu nome para disputar uma cadeira no Conselho de Consumidores de Telefonia e Internet. É um trabalho voluntário, mas que estou disposta a fazer como cidadã, por todos nós”, destaca Daniela.

Daniela acredita que boa parte dos transtornos que a população enfrenta é por falta de representantes locais que possam ter voz nos conselhos de usuários. Outra questão importante é que muitos usuários não sabem ou não conhecem os direitos que tem e por essa razão, algumas operadoras se aproveitam desse fato para nada fazer para melhorar o serviço.

De acordo com a Anatel, o Conselho de Usuários tem por escopo a avaliação dos serviços e da qualidade do atendimento, bem como a possibilidade de formulação de sugestões e de propostas de melhoria dos serviços de telecomunicações e será integrado por usuários dos serviços de telecomunicações da Telefônica e por entidades que possuam, em seu objeto, características de defesa dos interesses do consumidor, nos termos do regulamento.

A vereadora Daniela diz que diante de qualquer denúncia, além de procurar o Procon, os usuários de internet e telefonia podem salvar o número de Whatssapp: (67) 99174 4554 e enviar solicitações a ela pelo contato pessoal.