A advogada Edna Bonelli vai disputar a presidência da 4ª Subseção da OAB em Dourados.(Foto: Divulgação)

A advogada Edna Regina Alvarenga Bonelli foi escolhida pelo grupo da situação para disputar a presidência da 4ª Subseção de Dourados da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). Com uma história de mais de duas décadas de atuação em favor da OAB, a pré-candidata Edna Bonelli terá como candidato a vice o advogado Ewerton Araújo de Brito, um dos profissionais mais combativos na defesa das prerrogativas dos advogados e, também, com atuação destacada entre os novos advogados que ingressam na carreira jurídica precisando de apoio em tempo integral.

Formada em Administração de Empresas em 1981 e em Direito em 1983, Edna Bonelli já exerceu os mais diversos cargos na estrutura da OAB Dourados/Itaporã, como, por exemplo, conselheira local por dois mandatos, presidente da Comissão de Defesa do Consumidor, delegada da Caixa de Assistência do Advogado, presidente da Comissão da Mulher Advogada por dois mandatos, vice-presidente da Subseção da OAB, entre outros. “Aceitei o desafio de disputar a presidência da nossa Subseção por entender que tenho muito o que contribuir com a classe, não apenas no que diz respeito à ampliação das conquistas dos últimos anos, mas, sobretudo, para manutenção do respeito, da defesa dos nossos direitos no exercício da função”, comenta Edna Bonelli.

Além de cargos expressivos na Subseção Dourados/Itaporã, Edna Bonelli também ocupou posição de destaque no Conselho Municipal dos Direitos da Mulher e na Rede de Enfrentamento de Violência contra a Mulher. “Não ingresso na disputa pela presidência da Subseção Dourados/Itaporã com o tradicional discurso de empoderamento da mulher, mesmo porque não serei presidente apenas das mulheres advogadas e sim de toda a classe, mas posso garantir que irei colocar toda minha sensibilidade feminina, experiência e força de trabalho em favor do fortalecimento, da independência e da democracia dentro da Ordem dos Advogados do Brasil”, completou Edna Bonelli.

Nessa jornada que terá todo apoio da atual presidência da OAB Dourados/Itaporã, Edna Bonelli também contará com a parceria com o vice Ewerton Araújo de Brito, especialista em Direito pelo Centro Universitário da Grande Dourados, e Mestrado em Direito Processual e Cidadania pela UNIPAR. Ewerton Brito foi aprovado no Exame da Ordem em 2006 e, desde então, tem trabalhado não apenas pelo fortalecimento da Ordem dos Advogados do Brasil, mas, sobretudo, pelo respeito às prerrogativas dos advogados de Dourados e região.

Com caráter e conduta ilibados, Ewerton Brito foi oficial do Exército Brasileiro em 2001, sagrando-se 1º colocado no curso de formação de oficial, onde adquiriu experiência na área de Defesa, Administração Pública no Âmbito do Exército, Licitações e Contratos, Direito Penal e Processual Militar, Auditoria e, docência em Direito Penal, Processo Penal e Legislação Social.

O advogado Ewerton Araújo de Brito é consultor jurídico do Sebrae e professor do Centro Universitário da Grande Dourados (Unigran) nos cursos de graduação de Direito, Administração e Contábeis, e nos cursos de graduação EAD de Administração e Contábeis, e ainda em MBA Executivo em Administração com ênfase em Recursos Humanos. Na vida acadêmica, Ewerton Brito conquistou o carinho e respeito dos alunos e figura como umas das pessoas mais queridas pelos novos advogados. Ele também foi Conselheiro Titular da 4ª Subseção da OAB de Dourados e atualmente é presidente da Comissão de Defesa das Prerrogativas da 4ª Subseção da OAB de Dourados, onde não tem medido esforços na defesa dos direitos daqueles que escolheram atuar na advocacia, sobretudo, dos novos advogados.