João Fava foi solto ontem por decisão do TJ. (Foto: Adilson Domingos)

Por decisão do presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Divoncir Schreiner Maran, o ex secretário de Finanças da prefeitura de Dourados, João Fava Neto foi colocado em liberdade ontem.

Fava estava presos desde do dia 31 de outubro no âmbito da Operação Pregão que investiga um esquema de corrupção envolvendo empresas que participavam de licitações da prefeitura de Dourados.

Fava foi preso juntamente o empresário Messias José da Silva dono da empresa Douraser Prestadora de Serviço de Limpeza e Conservação, o chefe de Licitações e Contratos da prefeitura de Dourados Anilton Garcia de Souza e da vereadora afastada Denize Portolann de Moura Martins (PR). João estava em um presídio em Campo Grande.

Para conceder a liberdade a Fava o desembargador Divoncir estabeleceu alguns critérios como a proibição de manter contato com as testemunhas arroladas na denúncia.