Com essa inauguração, 100% das obras da educação que estavam paralisadas em 2017 foram concluídas. (Foto: Assessoria)

Cumprindo a meta de terminar e entregar todas as obras que estavam inacabadas no município até o final de 2019, a prefeitura de Rio Brilhante entregou nesta semana a quadra coberta da Escola Municipal Euclides Cunha, localizada no Distrito de Prudêncio Thomaz, cuja obra foi paralisada em 2017.

Construída com recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação e da Prefeitura Municipal de Rio Brilhante, o projeto foi aprovado através do Plano de Ações Articuladas, encaminhado ao Ministério da Educação em 2012 na gestão passada do atual prefeito Donato Lopes.

De acordo com informações da assessoria da prefeitura, o valor destinado pelo Governo Federal foi de R$172.900,00, com contrapartida financeira de R$127.655,86, dos cofres municipais, totalizando investimento de R$300.555,86.

Segundo dados da Secretaria Municipal de Educação, esta obra foi iniciada em setembro de 2013, quando começou a retirada do piso e interdição do local, mas depois de algum tempo foi abandonada pela empreiteira. Foram constatadas divergências entre medições realizadas pelo Ministério da Educação e o pagamento efetuado à empreiteira, o que gerou impedimentos até para celebração de convênios do município junto ao órgão federal.

“Desde que assumi este mandato determinei que todas as obras paralisadas fossem retomadas. No caso desta quadra foi preciso realizar diversas gestões junto ao FNDE, Procuradoria da República e Controladoria Geral da União, para que tivéssemos a autorização para retomar e concluir a obra. E hoje temos uma grande alegria em poder entregar finalmente esta tão necessária obra à população de nosso Distrito de Prudêncio Thomaz”, disse o prefeito Donato.

Além dessa quadra, Donato citou que no início do mandato recebeu mais três obras paralisadas na educação, sendo que já foram todas concluídas: CEI. Noêmia Corrêa Barbosa, CEI. Abigail Martins Fagundes da Motta e Quadra Poliesportiva Coberta da escola municipal São Judas.

Ele também enfatizou que fez a retomada de obras de infraestrutura que estavam paralisadas em várias partes do município. “Recebemos o projeto de asfalto do Pró-Moradia XIV com necessidade de pagamento de contrapartida e realinhamento de preços de mais de 700 mil reais, havia paralisação também em obras de asfalto do Pró-Moradia XI, Pró-Moradia XII, Bairro Manoel das Neves. Aqui também no Distrito de Prudêncio Thomaz recebemos o projeto de pavimentação asfáltica com menos de 20% de execução. Retomamos, pagamos as contrapartidas atrasadas e entregamos a obra ainda em junho de 2018”, concluiu o prefeito se mostrando satisfeito com a cumprimento da meta estabelecida para 2019.