(Foto: Adilson Domingos)

A falta de peritos criminais e médicos legistas na região do Conesul do Estado levaram o deputado Barbosinha (DEM-MS) a apresentar indicação, na Assembleia Legislativa, solicitando ao Governo do Estado que faça a imediata designação ou contratação de mais profissionais das áreas para atender a demanda da região.

Familiares das vítimas têm sofrido com a demora na liberação de corpos por falta de profissionais que possam executar o serviço.

O parlamentar reforça o pedido encaminhado, ao seu gabinete, pela presidente da Câmara Municipal de Caarapó, vereadora Marinalva de Souza da Costa (DEM).

“Conforme relato da vereadora, atualmente há somente um perito e um legista para fazer o atendimento de toda a região do Conesul, tornando demorado o atendimento. Este cenário tem causado dor e sofrimento aos familiares, que, além de sofrer pela perda de um ente querido, são submetidos a um longo tempo de espera para liberação do corpo”, explica Barbosinha.

A solicitação foi encaminhada ao secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública, Antônio Carlos Videira e ao governador Reinaldo Azambuja.