Zé Teixeira destaca transparência do 1º concurso da ALMS

-

Primeiro secretário destaca transparência do primeiro concurso da ALMS. (Foto: Gustavo Nunes)
Primeiro secretário destaca transparência do primeiro concurso da ALMS. (Foto: Gustavo Nunes)

Sob o olhar e a colaboração do Ministério Público do Estado (MPE/MS) e da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/MS), a Assembleia Legislativa assinou, nesta quinta-feira (14), o edital para aplicação do 1º Concurso Público de sua história. As provas serão realizadas pela renomada Fundação Carlos Chagas (FCC), que há 52 anos é responsável pelos processos seletivos mais concorridos do país.

Segundo o deputado estadual Zé Teixeira (DEM), atual primeiro secretário do Poder Legislativo de Mato Grosso do Sul, o destaque fica para a atuação isenta da Comissão Organizadora do Concurso – que não contou com nenhuma ingerência política nas tomadas de decisões e também pela participação do MPE/MS e OAB/MS em todas as etapas do Concurso.

“Aqui no Brasil, infelizmente, as pessoas estão acostumadas com um jeitinho. Viemos com uma proposta de mudança, visando dar mais transparência na condução de todo o processo do concurso. Com total autonomia a Comissão Realizadora do concurso convidou o MPE/MS E A OAB/MS para participarem de todas as etapas do certame. Isso dá mais credibilidade para aplicação das provas e mais segurança para todos que desejam ingressar como servidores da Assembleia. Estou muito feliz com esta conquista da sociedade sul-mato-grossense,” afirmou Zé Teixeira.

O presidente da Comissão Organizadora do concurso, formada por cinco membros e oficializada por meio do Ato 14/2015 da Mesa Diretora, Osni Moreira de Souza, informou que continuará acompanhando o processo, a partir de agora sob responsabilidade da FCC. “O fato de ter sido escolhida a Fundação Carlos Chagas, que já realizou mais de 2,7 mil concursos em todo País, já responde a qualquer questionamento com relação à lisura e transparência do processo, mas continuaremos acompanhando”, disse.

A coordenadora de Concursos da FCC, Adriana Pagaime, afirmou que instituição conduzirá o concurso com a mesma dedicação empenhada em outros certames, ao longo dos mais de 50 anos de atividades da instituição. “Para nós, é uma honra e uma alegria termos sido escolhidos para participar desse momento histórico na Assembleia Legislativa”.

Edital

O edital com todas as informações referentes ao concurso será publicado no Diário Oficial Eletrônico da Assembleia Legislativa de sexta-feira (15), que poderá ser acessado aqui. Ao todo serão 80 vagas, distribuídas em 21 cargos de níveis médio e superior. As inscrições deverão ser feitas entre os dias 20 de julho e 15 de agosto, no site da FCC. As provas serão aplicadas no dia 25 de setembro, em Campo Grande. Também caberá à FCC as respostas a recursos interpostos e a apuração dos resultados.

plugins premium WordPress