A primeira sessão do projeto de extensão “Direito e Arte: Direitos Humanos em Animação” acontece no próximo sábado (10), com o filme Persépolis, às 14h, no Auditório I da Faculdade de Direito e Relações Internacionais (FADIR/UFGD), localizada na  Rua Quintino Bocaiúva, nº 2.100, esquina c/ Rua Manoel Santiago, no Jardim da Figueira.
Destinado aos acadêmicos e demais público interessado, o projeto consiste na exibição de filmes que dialoguem com o debate sobre Direitos Humanos que não estão diretamente positivados no direito brasileiro e visa promover a reflexão sobre temas que envolvam o direito à diferença, à natureza, à memória, à resistência e a verdade.
Cada sessão envolverá a exibição do filme e debate, tendo a duração total de 3h. São 80 vagas disponíveis para participar do projeto e aqueles que obtiverem 75% de presença receberão certificado. As inscrições podem ser feitas a partir do dia 02 de junho, até completar o número de vagas, pelo e-mail direitoecinema@gmail.com.
Esse primeiro debate ficará por conta do professor Matheus de Carvalho Hernandez. As demais sessões do projeto serão nas seguintes datas: 08 de julho, 12 de agosto, 23 de setembro, 21 de outubro, 04 de novembro e 25 de novembro, sempre às 14h, na FADIR.
O projeto de extensão consiste na escolha, exibição e debate de filmes de animação de diversas nacionalidades, estúdios, tradições e estéticas. A exibição e os debates dos filmes possuem a finalidade de levar o participante a entrar no universo lúdico do cine-animação para juntos serem realizados exercícios filosóficos sobre possibilidades jurídicas de demandas sociais na contemporaneidade.
Direito e arte, através do cinema, é também uma proposta pedagógica com interfaces diferenciadas para se pensar o direito, pois se coaduna com um mundo visual em que realidade e ficção caminham juntos.
A coordenação do projeto é da professora Verônica Guimarães, com a colaboração do técnico Alexsandro Felix de Moura e do acadêmico de Direito, Josuel Belo dos Santos.
Persépolis
Direção: Marjane Satrapi, Vincent Paronnaud. FRA/EUA, 2007, Cores e P/B, 95 min.
Sinopse: A animação  é uma adaptação dos quadrinhos de mesmo nome de Marjane Satrapi, que também escreveu o roteiro e dirigiu o filme, junto com Vincent Paronnaud. Toda a história é baseada na vida real de Marjane, que nasceu em 1969, em Teerã. Um filme comovente, trágico e ao mesmo tempo cheio de humor, sobre a diferença, a identidade e a tolerância.