Confira as medidas de segurança durante a prova do Enem

-

Paulo Fernandes, Subcom

Contando com protocolos de biossegurança, a aplicação da primeira prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 será realizada neste domingo (17) para 82.637 candidatos em Mato Grosso do Sul – 34.458 deles em Campo Grande.

Os portões serão abertos às 10h30, meia hora antes do previsto nos editais, e vão fechar ao meio-dia. A prova será aplicada às 12h30.

Enquanto o exame impresso está marcado para os dias 17 e 24 de janeiro, a aplicação da versão digital ocorrerá em 31 de janeiro e 7 de fevereiro. Em todo o país, o Enem conta com 5.783.357 inscritos.

Somente entre as unidades da Rede Estadual de Ensino (REE) sul-mato-grossenses, são 135 locais de 41 municípios, 21 deles na Capital.

De acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), foram estabelecidas regras específicas para reduzir aglomerações nos locais de prova, durante a aplicação. 

As principais medidas de biossegurança adotadas são: uso obrigatório de máscara desde a entrada nos locais de aplicação, higienização das mãos com álcool em gel antes de entrar na sala e o distanciamento entre participantes e aplicadores. 

Máscaras

O participante que não utilizar a máscara cobrindo totalmente o nariz e a boca, desde sua entrada até sua saída do local de provas, ou recusar-se, injustificadamente, a respeitar os protocolos de proteção contra a Covid-19, a qualquer momento, será eliminado do exame. 

Só será permitida a retirada da máscara para alimentação ou ingestão de líquidos. O candidato poderá levar mais de uma máscara para troca ao longo do dia. As máscaras serão verificadas pelos fiscais para evitar possíveis infrações, respeitando a distância recomendada. 

O uso de máscara será obrigatório também para os aplicadores e acompanhantes de mães que estiverem amamentando. O descarte da máscara de proteção contra a Covid-19, durante a aplicação do exame, deve ser feito pelo participante de forma segura, nas lixeiras do local de provas.

Casos suspeitos

Pessoas de grupos de risco, como idosos, gestantes e pessoas com doenças respiratórias ou que afetam a imunidade, receberão tratamento diferenciado no ensalamento. A ocupação nessas salas será de até 25% da capacidade máxima. 

Quem estiver com sintomas de Covid-19 ou com outras doenças infectocontagiosas, não devem comparecer aos locais de aplicação. Nesses casos, a condição deverá ser comunicada, por meio da Página do Participante, antes da aplicação do exame. 

Os participantes que apresentarem sintomas na véspera ou no dia da prova deverão procurar o serviço de saúde para diagnóstico e informar sua condição por meio da Página do Participante e pela Central de Atendimento (0800 616161), primando pela segurança da saúde coletiva. A aprovação ou a reprovação da solicitação de reaplicação deverá ser consultada na Página do Participante.

Realizado anualmente pelo Inep desde 1998, o Exame Nacional do Ensino Médio avalia o desempenho escolar ao final da educação básica. A estrutura do exame conta com uma redação e 45 questões em cada prova das quatro áreas de conhecimento: linguagens, códigos e suas tecnologias; ciências humanas e suas tecnologias; ciências da natureza e suas tecnologias; e matemática e suas tecnologias.

VEJA TAMBEM