Semana Acadêmica reuniu acadêmicos de diversos semestres do curso de Educação Física. (Foto: Divulgação)

Ter saúde é fundamental para um bom desempenho das atividades do dia a dia. Os exercícios físicos proporcionam mais disposição e, com o corpo e a mente alinhados, a saúde, consequentemente, agradece. Por isso, o tema está cada vez mais sendo discutido nos bancos da universidade. Este ano a temática na 13ª edição da Semana Acadêmica de Educação Física da UNIGRAN foi a ‘Atuação do Profissional de Educação Física na Saúde’.

E já na abertura das atividades, os acadêmicos participaram de uma palestra ministrada pelo professor Geovany Bisol, que é especialista em metodologia do treinamento personalizado e mestre em saúde e desenvolvimento. Ele falou sobre avaliação personalizada para prescrição do exercício físico e sobre o mercado e atuação do personal trainer.

“Importante falarmos com os universitários, futuros profissionais de educação física sobre esse tema, porque cada dia que passa as pessoas têm buscado mais e mais preparo físico, não apenas por questões de estética, mas de saúde. Alinhar essas atividades para ter uma vida melhor e, consequentemente com mais saúde, é essencial. Para isso, o conhecimento técnico é fundamental”, garantiu Bisol.

Ainda durante a abertura, o presidente da Fundesporte – Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul, Marcelo Ferreira Miranda falou aos presentes sobre politicas públicas para o esporte, além de apresentar ações da fundação.

Em seguida, o presidente do Conselho Regional de Educação Física da 11ª Região – CREF11, Domingos Sávio da Costa, abordou a regulamentação do exercício da profissão do profissional de educação física. “No Brasil somos aproximadamente 450 mil profissionais. Destes, pelo menos oito mil estão em Mato Grosso do Sul. Falar sobre a regulamentação da nossa profissão é mostrar para os acadêmicos que, quando eles saírem dos bancos da universidade, eles terão respaldo para trabalhar com tranquilidade”, enfatizou Costa.