Os dois presos foram levados para a Promotoria de Justiça de Pedro Juan Caballero. (Foto:Divulgação)

A luta contra o microtráfico na região norte do Paraguai está sendo intensificada com seguidas apreensões e prisões de traficantes. Agentes especiais da região nº 1 de Pedro Juan Caballero fizeram uma série de operações em coordenação com o Ministério Público. Na área de Zanja Pyta, dois pontos de venda de crack e cocaína foram estourados.

A equipe antidrogas liderada pelo promotor Marco Antônio Amarilla foi deslocada para o bairro de Virgen de Caacupé, onde foram constatados dois pontos de tráfico no “varejo”. No primeiro ponto de venda “estourado”, foram encontradas 14 doses de cocaína e 8 porções de crack, prontas para venda a varejo. No local foi preso em flagrante o paraguaio Osvaldo Aguero Romero, de 40 anos.

Na segunda casa, os responsáveis pela operação 12 doses de cocaína e utensílios com traços de crack mantidos pelo dono da “boca” o também paraguaio Edison Orlando Ranirez Guillenm de 41 anos.

De acordo com as autoridades, através das operações realizadas pela SENAD, uma quantidade importante de cocaína e crack foi tirada de circulação através da venda em pequenas doses no bairro Virgen de Caacupé.

De acordo com a SENAD, as investigações continuarão na região e mais pontos de tráfico na região devem ser “estourados”. Por orientação do Ministério Público, as drogas e materiais apreendidos assim como os presos. Foram encaminhados para a Base Regional Nº 1 de Pedro Juan Caballero.