Os comerciantes foram levados para quarentena obrigatória.(Foto: Divulgação)

Três chineses foram presos pelas Forças de Segurança do Paraguai acusados de desobedecerem decreto presidencial por conta da pandemia coronavírus. Embora donos de lojas em Pedro Juan Caballero, os chineses residem em Ponta Porã, no Brasil.

Quando voltavam para a cidade paraguaia eles até conseguiram entrar no País passando por local da linha internacional onde não havia policiamento. Como a linha fronteira Paraguai e Brasil em Pedro Juan Caballero é monitorada por câmeras, o trio foi em seguida localizado e preso.

Eles estão sendo ouvidos inclusive por autoridades sanitária e em seguida serão encaminhados para cumprimento de quarentena em abrigo ou unidade militar. Não foi informado se passarão por exame médico.