Delegados da Polícia Civil do Mato Grosso Sul que atuam na região de fronteira estão presentes no velório do jornalista brasileiro Léo Veras, assassinado na noite desta quarta-feira (12), na cidade de Pedro Juan Caballero, Paraguai, fronteira com o Brasil em Ponta Porã. Os policiais civis prestaram homenagem ao jornalista considerado exemplo de profissionalismo por delegados, investigadores e escrivãs que conviviam com Veras.

A investigação acerca do crime está a cargo da polícia paraguaia, porém a Polícia Civil está colaborando, pois existe a possibilidade de que os criminosos tenham fugido para o Brasil, após o assassinato.

A Polícia Civil lamenta o ocorrido e presta suas sinceras condolências e solidariedade aos familiares. O velório está sendo realizado na Pax de Pedro Juan Caballero.