Marcos foi encontrado enforcado na cela. (Foto: Osvaldo Duarte)

Réu confesso do assassinato da companheira Maiana Barbosa de Oliveira de 20 anos e da filha do casal de poucos meses de vida, Marcos Fioravanti Neto de 22 anos foi encontrado morto na manhã desta sexta-feira (21) em uma das celas da Penitenciária Estadual de Dourados.

Marcos aguardava julgamento no local e estava com outros presos. Ele foi encontrado enforcado e não está descartada a possibilidade de ele ter sido assassinado pelo companheiro de cárcere.

No dia 25 de novembro, Fioravanti assassinou à facadas a estudante universitária Maiana e depois também matou a filha do casal. Os corpos foram encontrados pela mãe de Marcos que chamou a polícia.

Depois do crime Marcos seguiu para a região de Glória de Dourados com uma bicicleta furtada em Dourados. Em Deodápolis ele roubou uma moto e em Glória de Dourados assaltou uma idosa e acabou preso. Ele disse que tentava chegar ao litoral Paulista onde pretendia se esconder.

A família de Marcos alega que ele tinha transtornos psicológicos e pedia que o rapaz fosse internado em uma clínica. A Polícia Civil vai investigar o caso.