Assassino de mãe e filha se apresenta e é levado para Ponta Porã

-

Está preso em uma das celas da Delegacia Regional da Polícia Civil de Ponta Porã, Jorcy Marques Ortiz de 52 anos. Ele confessou que matou na noite de sexta-feira (4), Rosenilda Rodrigues Maciel de 54 anos e a filha dela Andréia Rodrigues Maciel de 34 anos. O crime aconteceu na rua Pantaleão Coelho Xavier na Vila Penzo em Antônio João.


Depois do crime Jorcy fugiu da cidade e retornou na tarde desta segunda-feira (7) e se entregou para os agentes que estavam na Polícia Civil e foi imediatamente levado para o 1º Distrito Policial de Ponta Porã.


De acordo com a delegada Analu Ferraz, toda a polícia da região estava empenhada em prendê-lo em flagrante, mas mesmo tendo se apresentado ele ficará preso, pois teve a prisão preventiva decretada pelo caso que até agora é tratado como duplo homicídio.
No dia do crime parentes de Rosenilda disseram que os dois teriam um caso e como o autor devia dinheiro para ela, a mulher teria ameaçado contar sobre o romance para a família do autor. Caso isso seja confirmado o crime poderá ser tratado como feminicídio.


Ontem ele gravou um áudio para o grupo de whattsApp da família negando a dívida, disse que a intenção não era de matar as mulheres e que iria se entregar.


A delegada Analu só deverá ouvir o acusado amanhã e durante a chegada dele ouve protesto de familiares das vítimas que prometeram retornar nesta terça-feira (8) para cobrar por justiça.

Parentes das vítimas protestaram em frente a Polícia Civil de Ponta Porã.(Foto: Divulgação)

VEJA TAMBEM