O corpo do motorista ficou preso ás ferragens. (Foto: Adilson Domingos)

Destroços de ressolagem de um pneu podem ter causado o acidente ocorrido na manhã desta quarta-feira (21) na BR 163 nas proximidades de Caarapó entre aquela cidade e o distrito de Cristalina. A batida envolveu quatro caminhões e deixou dois feridos e um morto.

Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal a borracha do pneu de um dos caminhões se voltou a causou a colisão entre duas carretas e dois caminhões onde o caminhoneiro Anderson Jettiner Sobrinho, morador no distrito de Cristalina morreu prensado ás ferragens do caminhão que conduzia. Ele transportava uma carga de milho e bateu de frente com outro veículo.

Ele seguia pela rodovia quando o motorista de uma carreta Volvo tentou desviar dos destroços do pneu e acabou causando a batida frontal. O motorista da Volvo foi socorrido em estado grave pelo Corpo de Bombeiros, outro motorista que se envolveu no acidente também foi socorrido, mas com ferimentos leves.

O trânsito foi interrompido no local e o congestionamento chegou a 30 quilômetros nos dois sentidos da rodovia que é administrada pela CCR MS Vias e não foi duplicado ainda.