Maconha apreendida em carreta que saiu de Ponta Porã passou de 12 toneladas

-

Policiais paulistas concluíram há pouco a pesagem da carga de maconha que foi apreendida por volta do meio dia desta quinta-feira (7) na rodovia Raposo Tavares em Presidente Prudente (SP). A droga estava escondida em um carregamento de soja que saiu da fronteira com o Paraguai em uma carreta com placas de Campo Grande.

Um casal foi preso e autuado em flagrante pelo tráfico de 12 toneladas e 100 quilos de maconha. Um homem de 45 anos que conduzia a carreta e a acompanhante dele uma mulher de 46 anos, não tiveram os nomes revelados.

A apreensão da carga milionária de maconha foi feita pela Polícia Militar Rodoviária através do Tático Ostensivo Rodoviário-TOR, do 1° Pelotão da 2ª Companhia do 2° Batalhão de Presidente Prudente é uma das maiores de todos os tempos na região. A carreta foi parada quando trafegava no sentido Álvares Machado/Regente Feijó e o nervosismo do casal acusou que havia algo de errado e com isso o entorpecente foi localizado.

De acordo com a polícia paulista o carregamento saiu de Ponta Porã e tinha como destino a Capital paulista. O casal com a carreta e a droga foi levado para a Polícia Federal de Presidente Prudente.

Carreta que saiu de MS com maconha na carga de soja é apreendida em Presidente Prudente.(Foto: Divulgação)

VEJA TAMBEM

MS em Foco. Todos os direitos reservado.