A droga apreendida seria levada para São Paulo. (Foto: Divulgação)

Uma residência no Jardim Aeroporto em Ponta Porã estava sendo usada por um brasileiro de 55 anos e por um paraguaio de 51 anos para armazenagem e preparado de cocaína que skank que depois seriam enviados para São Paulo. Os dois foram presos na tarde deste domingo durante uma ação de policiais do Departamento de Operações de Fronteira (DOF).

Os militares receberam a informação de que o paraguaio teria trazido a droga para a residência em um veículo Toyota Corolla preto. Ao descobrir o local os policiais encontraram o carro no pátio e em buscas em uma edícula nos fundos da residência, os policiais surpreenderam um dos suspeitos embalando a droga.

Já em um compartimento falso na casa foi encontrado um tambor onde estavam 29 quilos e 500 gramas de skank. A cocaína apreendida pesou 58 quilos e 500 gramas e também foram apreendidos 600 gramas de pasta base de cocaína.

Dos dois traficantes que não tiveram os nomes divulgados foram levados para a Polícia Federal e autuados em flagrante.