Pesou 4,5 toneladas de maconha e Skank a carga de apreendida na manhã de hoje em ação das Polícias Federal e Rodoviária Federal na BR-463, na Base Capey da PRF. Pouco antes de 7h os policiais abordaram a carreta Volvo com placas de Maracaju transportando uma carga de milho e na fiscalização até então rotineira, perceberam que a Carteira de Habilitação apresentada pelo motorista era falsa.

Foi então iniciada fiscalização minuciosa na cabine, carreta e carga, gerando visível nervosismo no motorista. Em seguida, foram encontrados fardos de maconha e pacotes de Skank em meio a carga.

O veículo foi descarregado em uma cerealista, sendo descoberta a grande quantidade das drogas em fardos e pacotes. Com a descoberta, o motorista e proprietário da Volvo, alegou que aceitou fazer o transporte por estar com uma grande dívida com traficantes em São Paulo por contada compra de maconha e cocaína.

Foi então acertado que ele abateria a dívida em R$ 5 mil, transportando o carregamento da fronteira até São Paulo. Na fronteira, ele disse ter entregue a carreta a desconhecidos que já lhe devolveram com as cargas de milho e drogas.