O túnel estava sendo construído a partir do banheiro de uma das celas.(Foto: Divulgação)

Agentes penitenciários descobriram na noite desta quinta-feira (13) um túnel que estava sendo cavado na Penitenciária Regional de Pedro Juan Caballero, de onde 76 presos ligados a uma organização criminosa fugiram em janeiro deste ano.

A nova rota de fuga que estava sendo construída foi descoberta depois de uma inspeção da Polícia Nacional e do Ministério Público com a participação de agentes penitenciários. O túnel estava sendo construído a partir do banheiro de uma das celas do pavilhão onde ficam os presos de uma facção e um buraco na parede já tinha sido feito.

Recentemente certa quantidade de explosivo foi apreendido em meio a uma mortadela que seria entregue para um dos presos por uma mulher. A suspeita é de que o explosivo seria usado em uma tentativa de fuga em massa.

Neste momento um revista geral está sendo feita no presídio que tem 1006 internos e o diretor da penitenciária, Domingo Antonio Bazan acompanha os trabalhos e somente depois deverá falar com os jornalistas.