Jovem decapitado na fronteira é identificado

-

Foi identificado como sendo o paraguaio Eduardo Alvarenga Gonzales de 19 anos, a pessoa morta, decapitada e esquartejada nesta quinta-feira (29) em Ponta Porã. Ele teria sido levado por homens armados durante a tarde, depois que foi cercado e diversos tiros foram disparados contra ele na rua Sertãozinho, no Jardim Universitário.

De acordo com o Boletim de Ocorrência do 2º Distrito Policial, policiais militares foram até o local, onde populares disseram que uma perseguição teria começado na rua João Manoel Cardinal, no mesmo bairro e que a vítima que seria Eduardo tentou fugir a pé, mas foi alcançado na rua Sertãozinho por homens encapuzados, que o obrigaram a entrar no porta malas de um Toyota Corolla.

No trajeto onde ocorreu a perseguição os policiais apreenderam três cápsulas de munição calibre 9 milímetros, 5 de calibre fuzil calibre 5.56 e uma de fuzil calibre 7.62. Pouco depois um carro, possivelmente o usado para levar Eduardo foi encontrado em chamas em uma estrada vicinal entre a cidade de Zanja Pytã e o distrito de Sanga Puitã em Ponta Porã.

O corpo do jovem paraguaio foi encontrado após uma denúncia anônima para a central de atendimento da Guarda Civil de Fronteira e estava a cerca de 600 metros de onde o carro foi queimado. A mãe de Eduardo e outros parentes estiveram no local e reconheceram o corpo sendo o do rapaz.

Um bilhete com a ameaça para outras duas pessoas foi deixado sobre o saco onde os restos mortais do paraguaio foi encontrado. A Polícia Civil através do 2º DP vai investigar o caso.

Identificado jovem sequestrado, decapitado e esquartejado em Ponta Porã.(Foto: Facebook)

VEJA TAMBEM

MS em Foco. Todos os direitos reservado.