Morador de residencial é preso pela Guarda Municipal após furtar energia elétrica

-

E empresa Energisa acionou a Guarda Municipal de Dourados (GMD) na tarde de terça-feira (23/11) após constatar o furto de energia elétrica em uma residência em um residencial localizado na Chácara Trevo.

Os agentes da GM foram até o local e em conversas com os técnicos da empresa constaram o furto de energia elétrica, sendo informados que não era a primeira vez que o autor realizava ligação clandestina após o corte do fornecimento pela empresa.

O autor de 40 anos relatou que fez a ligação clandestina para não ficar sem energia elétrica e que não teria pago a conta de luz pelo alto valor cobrado.

Diante da situação o acusado foi encaminhado a Delegacia de Polícia Civil para os procedimentos legais.

Realizar ligações clandestinas na rede de energia elétrica desviando o consumo do medidor, constitui crime de furto previsto no artigo 155 do Código Penal e a pena para esses crimes é de um a quatro anos de reclusão.

VEJA TAMBEM