Morre homem baleado em frente ao presídio de Campo Grande

-

O homem morreu a caminho da Santa Casa de Campo Grande.((Foto: Leonardo de França/Midiamax)

Edilson dos Anjos de 32 anos que tinha sido baleado na tarde desta quarta-feira (2), quando deixava a Penitenciária de Segurança Máxima de Campo Grande, depois de ficar preso por alguns meses acusado de assalto em Ponta Porã, morreu antes de dar entrada na Santa Casa.

Alvejado por alguns disparos ele foi socorrido em parada cardíaca pelo SAMU, reanimado, mas não resistiu e morreu dentro da ambulância.

Ele estava preso desde setembro quando teria participado de um assalto a uma empresa em Ponta Porã e com a ajuda de comparsas fugiu da fronteira, mas houve uma perseguição com o uso até de helicóptero e ele outros marginais acabaram presos em um posto de combustíveis pela Polícia Rodoviária Federal.

Edilson Rodrigues estava com o alvará de soltura na mão quando foi alvejado. Uma mulher de 22 anos e uma criança também ficaram feridas, mas não correm risco de morte.

Populares disseram que o atirador estava em uma caminhonete e deixou o local depois de disparar contra a vítima. A Polícia Civil de Campo Grande investiga o caso.

VEJA TAMBEM