PM prende bando que locava carros,vendia e em seguida furtava os veículos

-

Equipes do Batalhão de Choque da Polícia Militar desarticularam na tarde e noite desta quinta-feira (29) em Campo Grande, organização criminosa especialista em furto, adulteração de veículos e estelionato. Quatro veículos, placas de veículos furtados além de placas furtadas foram recuperados. Cinco envolvidos confessos foram presos atuando no esquema criminoso.

Pouco depois de 14h uma equipe do Choque em patrulhamento na área central, avistou o indivíduo Édipo, de 33 anos, de forma suspeita em uma esquina da rua 13 de maio oferecendo a uma pessoa um veículo Onix branco, sendo feita a abordagem.

Os policiais constataram que a placa não era a mesma do cadastro do carro, mas de outro veículo, a chamada placa fria. A abordagem acabou sendo o começo do desmonte da organização criminosa.

Édipo relatou ao Choque ter alugado o Onix e pela manhã furtado um par de placas no Parque dos Poderes. Disse ainda que iria vender o Onix como BOB e posteriormente furtá-lo, e para isso havia instalado um rastreador e possuía cópia da chave.

Bem falante e diante de evidências apuradas pelos policiais, o indivíduo disse não ser a primeira vez que cometia esse tipo de crime e apontou comparsas, cada um com função diferente na quadrilha.

Quando era entrevistado Édipo revelou que na venda do Onix, contava com apoio de comparsa utilizando um veículo Ford Ka vermelho. Instantes depois o veículo passou pela rua onde policiais e o preso estavam sendo o condutor também abordado.

No carro estavam o condutor Wagner de 47 anos e Lucas, 23 anos. Em busca no interior do veículo a polícia localizou as placas originais do Onix e ferramentas utilizadas no furto de placas. Lucas confessou a participação no crime afirmando que sua função era auxiliar no furto das placas e na recuperação do carro após a venda.

Usando cópia de chave Édipo havia furtado um veículo Gol que alugado e vendeu para terceiro, confirmando o modo de agir em que locam o veículo, colocam placas frias transformando em BOB, vendem e em seguida furtam do comprador do BOB, alguns deles sabendo o que comprava.

Uma das vítimas do bando disse que ao negociar, entregou um Polo preto mais R$ 4 mil em dinheiro, mas o carro foi furtado de dentro da garagem. O Gol foi localizado no Jardim Morumbi, na residência de outro envolvido, Alisson, de 29 anos que não estava no local, e segundo Édipo, o carro foi deixado lá para venda posterior

Édipo ainda que havia mais um carro que o bando vendeu e estava prestes a furtá-lo, pois se encontrava com a localização e cópia da chave. A equipe foi ao local e apreendeu o Gol parado na Rua Pedro Labatut, bairro Cel. Antonino

Sobre o Ford Ka, Lucas relatou que fora emprestado por Glauco, 34 anos (primo de Édipo) para a realização do furto da placa, contando ainda que Glauco sabia dos crimes e auxiliava quando procurado.

Na casa de Lucas e Édipo que são cunhados, foram apreendidas diversas placas de veículos produtos ilícitos. Os quatro veículos, placas, ferramentas e os envolvidos foram entregues na Polícia Civil.

VEJA TAMBEM