Armando foi reconhecido por uma das vítimas do assalto. (Foto: Adilson Domingos)

A prisão de um integrante de um grupo que agia com violência contra as vítimas poderá levar a polícia de Dourados a desbaratar uma quadrilha de assaltantes. Na madrugada deste domingo (11) quatro integrantes do grupo invadiram uma casa na região central, levaram uma caminhonete, celulares, dinheiro e joias. Aparentemente uma mulher comandava o bando e segundo as vítimas ela era muito violenta.

Horas depois policiais rodoviários federais prenderam no Posto Capei na BR 463, entre Dourados e Ponta Porã, Armando Guilherme Pires da Silva que estava com uma caminhonete Ford Ranger com placas OOG 9596 de Dourados.

Ao ser preso, Armando negou ter participado do assalto e disse que estava levando o carro para o Paraguai para saldar uma dívida com traficantes da região. Uma das vítimas o reconheceu como a pessoa que teria ficado a maior parte do assalto do lado de fora da residência.

Agora a Polícia Civil de Dourados está trabalhando para tentar identificar os outros três membros da quadrilha que ainda não foram presos e existe a possibilidade de que eles estejam envolvidos em outros assaltos onde as vítimas foram agredidas e ameaçadas.

Armando foi autuado no Primeiro Distrito Policial de Dourados onde negou a participação no assalto. O celular dele foi apreendido e vai passar por perícia, onde os investigadores esperam encontrar provas ou indícios contra outras pessoas.