O preso era interno do presídio da Gameleira em Campo Grande. (Foto: Divulgação)

O interno do Centro Penal da Gameleira, Raione Antônio da Silva (32), morreu na madrugada desta sexta-feira (8), após passar mal em circunstâncias até então desconhecidas. Por volta de 2h, agentes penitenciários foram acionados por outros internos relatando que Raione passava mal.

O Corpo de Bombeiros foi acionado e ao chegar ao presídio minutos depois, o interno já estava morto sendo o caso em seguida comunicado à polícia. Agentes Penitenciários contaram para a polícia eu anteriormente o interno havia relatado não estar muito bem e suspeitava que estivesse com dengue.

Outros internos no entanto, contaram que Raione pela manhã, havia engolido entorpecente para não ser apanhado em flagrante durante a presença do GAECO no presídio. O corpo foi encaminhado para o Instituto de Medicina e Odontologia Legal – IMOL para necropsia e constatação se a morte foi provocada por droga no organismo ou não.