Brasileiros que preparavam cocaína em Pedro Juan Caballero são presos pela SENAD

-

Os brasileiros estavam na mira das autoridades do Paraguai.(Foto: Divulgação SENAD)

Agentes da Secretaria Nacional Antidrogas – SENAD, prenderam brasileiros responsáveis pelo preparo de cocaína em uma casa localizada no bairro Mariscal Estigarribia. No local, encontraram materiais e equipamentos utilizados no “laboratório” clandestino de drogas. Três pessoas foram presas na casa, incluindo um adolescente de 17 anos.

Os homens foram identificados como Douglas Luan Vera, 20 anos e Erme Antônio Vera, 68 anos com histórico de tráfico de armas na fronteira.

Ao vistoriar o local a equipe da SENAD apreendeu prensa hidráulica, moldes de queijo, placas metálicas, cartuchos de munição calibre 5,56 (fuzil), resíduo de cocaína e 1,6 quilo de maconha. Com a operação, foi possível comprovar que a casa servia para aumentar o volume de cocaína procedente da Bolívia (batizar) através de produtos químicos e ferramentas de processamento.
Para a SENAD e o Ministério Público, resta saber as reais ligações dos responsáveis com as organizações criminosas na fronteira, os capturados podem ser mecanismos facilitadores que oferecem principalmente o recebimento da pasta base de cocaína para seu posterior refinamento e envio ao Brasil.

VEJA TAMBEM