Bebeto citou os constantes acidentes de trânsito na Coronel Ponciano. (Foto: Thiago Moraes)

O vereador Bebeto (PL) cobrou novamente a destinação de recursos visando a duplicação da Rua Coronel Ponciano e implantação de um viaduto no trevo de acesso à rodovia MS-156, no conhecido “Trevo do DOF”. O cruzamento, localizado entre a Rua Coronel Ponciano e a BR-163, serve de acesso ao Distrito Industrial, Chácara Cidélis aos bairros Jardim Guaicurus e aos conjuntos habitacionais Harrison de Figueiredo e Dioclécio Artuzi.

Durante a sessão de segunda-feira (12) ele apresentou indicação à prefeita Délia Razuk, ao governador Reinaldo Azambuja, aos deputados da bancada federal e estadual e as senadores que representam o Estado, apontando a necessidade urgente de verbas destinadas à duplicação da Rua Coronel Ponciano, partindo do Cemitério Municipal Santo Antonio de Pádua ao Distrito Industrial de Dourados e a construção de um viaduto substituindo a rotatória localizada no cruzamento com a BR 163.

Bebeto cita os recentes casos de acidentes com vítimas fatais na via, como exemplo a morte do mototaxista Francisco de Assis Silva, conhecido “Amarelo”, ocorrida no dia 9. “Apesar dos inúmeros acidentes ocorridos, poucas ações efetivas aconteceram no intuito de aumentar a segurança desta da Rua Coronel Ponciano como no Trevo do DOF, sobretudo na preservação de vidas”, alertou.

O vereador ressalta ainda outra dificuldade enfrentada pelos motoristas no período noturno, principalmente para quem segue ao Distrito Industrial, como rodovia mal sinalizada e escura, dificultando o acesso aos dois lados da via. “Como se não bastasse o perigo na travessia da rodovia, no período noturno ainda é pior, considerando a falta de iluminação neste cruzamento, reforçando ainda mais nossa solicitação”, enfatizou.

A indicação protocolada na Câmara Municipal foi encaminhada a prefeita Délia Razuk (sem partido), com cópias ao governador Reinaldo Azambuja (PSDB), aos deputados estaduais, Neno Razuk (PTB), Renato Câmara (MDB), Zé Teixeira (DEM), José Carlos Barbosa, o Barbosinha (DEM), e Marçal Filho (PSDB), aos deputados que compõe a bancada federal do NS e aos senadores Nelsinho Trad (PTB), Soraya Thronicke (PSL) e Simone Tebet (MDB).