Idenor e Dirceu serão soltos em breve. (Foto: Diário MS )

O vereador afastado Idenor Machado (PSDB) e o ex-vereador Dirceu Longhi (PT) devem deixar a PED (Penitenciária Estadual de Dourados) ainda na tarde desta segunda-feira. Eles foram beneficiados por um Habeas Corpus concedido na tarde de hoje pela segunda Turma Criminal do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul.

Os dois foram presos juntamente com outros vereadores, ex-servidores e empresários na Operação Cifra Negra do Ministério Público Estadual que investiga corrupção na Câmara de Vereadores de Dourados.

Ao lado de Pedro Pepa (DEM) e Cirilo Ramão (MDB), Idenor e Dirceu Longhi tiveram seus direitos políticos suspensos por ordem judicial. Há pouco os alvarás de soltura dos dois chegaram na PED e eles devem ser soltos antes das cinco da tarde.