Paulo César foi presos pelo SIG em Caarapó. (Foto: Divulgação)

A Polícia Civil através do SIG Dourados, possibilitou que policiais da DP de Caarapó localizassem e prendessem o homicida foragido André Silva Reis, de 34 anos. Empregado e morador na Fazenda Estábulo, distante mais de 70 km do perímetro urbano de Ribas do Rio Pardo, na madrugada do dia 12 de agosto passado, depois de discussão na noite anterior ele matou a facadas e ainda passou com um caminhão sobre o corpo do colega de trabalho Paulo César de Oliveira, 43 anos e fugiu a pé pela mata da região.

A polícia apurou que na noite anterior os empregados conversavam, mas em dado momento Paulo e André discutiram, tendo Paulo xingado a mãe de André. Colegas interviram, contornaram a situação e todos foram dormir.

Por volta de 4h da manhã os funcionários ouviram barulho de caminhão, mas acharam que André estaria fazendo algum serviço. Às 6h ele se dirigiu aos colegas dizendo que ninguém tocasse em nada pois “havia matado o inseto a facadas e passado com o caminhão por cima do corpo para garantir”. Disse ainda que “iria vazar” deixando a fazenda a pé e desapareceu até ser localizado e preso esta tarde em Caarapó.