Riedel encerra giro pelo interior na festa do Banho de São de João

Pré-candidato do PSDB passou por Bodoquena, Miranda, Ladário e Corumbá nesta semana

-

O pré-candidato do PSDB ao governo do Estado, Eduardo Riedel, cumpriu agenda em quatro cidades do interior esta semana, passando por Bodoquena, Miranda, Ladário e Corumbá, terminando mais um giro na maior festa junina do Estado, o Arraial do Banho de São João, na Capital do Pantanal, que pela primeira vez aconteceu com o reconhecimento de Patrimônio Imaterial do Brasil, título conquistado ano passado.

Riedel começou a rodada por Bodoquena, onde foi recebido pelo prefeito Kazu e um grande número de apoiadores. No município, terra de uma belíssima riqueza natural, com cachoeiras e rios de águas cristalinas, o pré-candidato concedeu entrevistas e ouviu de perto as demandas da cidade. Em Miranda, foi acompanhado pelo prefeito Fábio Florença, e se reuniu com lideranças indígenas, vereadores e representantes da sociedade. Em pauta, discussão das prioridades da população que irão integrar as propostas do plano de governo de Eduardo Riedel.

No Pantanal, Riedel começou as agendas em Ladário, onde recebeu uma série de pedidos da população, e participou de uma grande reunião com centenas de ladarenses, ao lado do prefeito Iranil Soares, e revelou que seu plano de governo prevê a pavimentação de todas as ruas de terra no Estado, e a universalização de saneamento básico nos próximos quatro anos.

na Cidade Branca, Riedel cumpriu uma série de compromissos com lideranças políticas, e acompanhou o prefeito Marcelo Iunes, nas festividades do centenário ritual do banho do Santo nas águas do rio Paraguai, que reuniu, de acordo com organizadores, cerca de 30 mil pessoas na primeira noite da festa, na quinta-feira (23).

“Essa é uma festa lindíssima que remonta às origens da cidade, e por tudo que representa foi finalmente incorporada ao Patrimônio Imaterial do Brasil. E ela é ainda mais especial por acontecer em Corumbá, a capital do Pantanal, maior planície alagada do planeta e Patrimônio Natural da Humanidade reconhecido pela Unesco. É uma oportunidade única participar, junto com a população e turistas, das festividades que lotam as ruas do Porto Geral”, enfatizou Eduardo Riedel.