Obras de construção da sede própria da Associação dos Autistas está executada em 40%.( Foto-Ricardo Minella)

Com cerca de 40% já executadas, as obras de construção da sede da Associação de Pais e Amigos dos Autistas da Grande Dourados (AAGD) prosseguem no Jardim Terra Roxa, com previsão de serem concluídas até o final do ano. A estrutura está sendo construída pelo governo do Estado com o objetivo de prestar atendimento aos autistas de toda a Região, que compreende trinta e três municípios e uma população de mais de um milhão de habitantes.

A obra demanda um investimento de R$ 1 milhão, fruto de emenda parlamentar do atual Secretário de Estado de Saúde Geraldo Resende ainda na condição de deputado federal, somadas às contrapartidas do Governo do Estado.

Os trabalhos começaram em dezembro do ano passado em área da Associação de Pais e Amigos dos Autistas da Grande Dourados. O presidente da entidade, Francisco Sobrinho de Brito afirma que os trabalhos atingirão a 50% do projeto até o final deste mês. Os três blocos já estão cobertos e os trabalhos entraram na fase de colocação de piso, instalação elétrica, forro, pintura, calçamento e outros detalhes de acabamento.

O prédio está sendo construído numa área de 2.450 metros quadrados, doada pela Prefeitura de Dourados no Jardim Terra Roxa. A  edificação terá 1.102 metros quadrados e está sendo executada por etapas. Quando em funcionamento, o local vai abrigar consultórios médicos, atendimentos pedagógicos diversos e de fonoaudiologia, odontologia, fisioterapia e terapia ocupacional, com a presença de psicólogos, assistentes sociais, entre outros profissionais.

A estrutura completa, incluindo as demais etapas, deverá conter salas para musicoterapia, terapia ocupacional, enfermaria, atendimento médico, orientação psicológica, triagem, entrevistas com assistente social, almoxarifado, cozinha industrial, cozinha experimental, lavanderia, artes, informática, dormitório/descanso, jardim sensorial, quadra coberta, campo de futebol, pomar, horta, parque com brinquedos, piscinas cobertas com banheiros e vestiários, entre outras.

Atualmente cerca de 100 famílias são atendidas pela AAGD com previsão de zerar a fila de espera (que hoje é de 50 famílias), com as atividades concentradas num só local para atender toda a clientela de Dourados e região. “O objetivo é viabilizar estrutura para propiciar aos autistas, trabalho interdisciplinar, melhorias no tratamento terapêutico educacional e a inclusão deles na sociedade”, afirma o secretário estadual de Saúde Geraldo Resende.